terça-feira, 1 de junho de 2010

Dia 9 - Zambujeira do Mar » Aljezur

DESCRIÇÃO
09:30h - Arranque de São Teotónio
10:00h - Chegada a Zambujeira do Mar » ver percurso
10:15h - Apresentação na EB1 da Zambujeira
11:15h - Arranque para Aljezur
13:30h - Chegada a Aljezur » ver percurso
15:00h - Apresentação na EB1/J.I., de Aljezur
17:00h - Visita à vila e às praias da zona

Total: 43 km em 2:30h

- Vista da Arrifana, Aljezur, com maresia

RELATO PESSOAL
Começou bem este dia, que representou a entrada no reino dos Algarves.

De manhã despedi-me do propríetário da pensão onde fiquei albergado, em São Teotóneo. Gente que gosta de falar com "estrangeiros". Segui para a Escola Básica 1º Ciclo da Zambujeira do Mar, a 7 km quase sempre a descer. 20 minutos de bicicleta, a "esgalhar" a 35 km/h.

Na escola, esperavam-me duas turmas da primária. Miúdos dos 6 aos 9 anos, com uma atenção redobrada, tal era a curiosidade com o "senhor da bicicleta". A "poderosa" equipada com 5 malas também os impressiona.

- Na sala de aula da primária da Zambujeira do Mar

- Pergunta "Quem daqui tem bicicleta?"

- No final, a natural curiosidade de ver ao perto e tocar a "poderosa", gentilmente cedida pela MOTOVEDRAS para este projecto

Feita a apresentação, os alunos vêm ao recreio despedir-se de mim ao portão, acenando com o braço.
O sentimento de dever cumprido assola-me, e parto para a próxima escola, sentindo que esta primeira experiência com miúdos da primária correu bem.

- Pelo caminho, vejo esta relíquia, abandonada, da extinta Junta Autónoma de Estradas. A placa em azulejos mostra a data de 1933.

- Estradas do Algarve, com pavimento regular, mas praticamente sem berma em todo o percurso

- Ponte de Odeceixe, limite administrativo entre Alentejo e Algarve

- Num país desenvolvido, a via que vêm à direita seria certamente uma ciclovia paralela à estrada nacional, em todo o seu traçado. Aqui, é apenas um curto acesso rural.

- Estradas do Algarve, com rectas a perder de vista, mas sem ciclovias

Na chegada à Escola, em Aljezur, deparei-me com algo: a estrada que dá acesso è entrada principal da escola, que já teve dois sentido, foi reformulada de forma a ter apenas um sentido, e mais estacionamento para automóveis. Assim, sobrou espaço para um corredor para bicicletas. Infelizmente, não está lá definido, nem sequer em pintura.

- Arruamento com largura suficiente para ter um corredor para bicicletas

- Junto à entrada da escola, no exterior, uma bicicleta amarrada. De quem será?

- O auditório da escola, com 120 alunos e professores

- Um aluno a testar o mini gerador eólico da Bio Future House

- Pergunta: "Quem tem uma bicicleta em casa?"

- Na tela, um ciclista a transportar um bebé, no atrelado da sua bicicleta, na Moita

- E aqui está: o Maurice, dono da bicicleta amarrada no exterior da escola. Faz todos os dias 7 km de sua casa à escola, muitas vezes acompanhado pelo pai. Excelente exemplo.

Nota: tenho insistido com os responsáveis das escolas que, por razões de visibilidade, segurança e promoção do uso da bicicleta como meio de transporte, as estruturas para estacionamento de bicicleta devem estar no interior da escola, junto à portaria. E nunca do tipo "empena rodas"

- A natural curiosidade dos miúdos, para ver e tocar a "poderosa"

- Alunos a "dominar" o Magalhães 2, na internet.

Ao final da tarde, por convite de uma professora da escola, fui conhecer a vila de Aljezur, e as praias da Amoreira, Monte dos Clérigos e Arrifana. Lindíssimas e selvagens, num dia com maresia.

- Rochedo, na praia da Arrifana

SENTIMENTOS, EMOÇÕES, PENSAMENTOS E OUTRAS CAROLICES
Hoje o dia foi de uma intensidade estonteante. Visitas a duas escolas e respectivas apresentações. Pelo meio, mais de 40 km pedalados, visitas à vila e praias de Aljezur e actualização do blogue. Com tudo isto, tenho dormido 6 horas diárias.

Hoje, pela primeira vez na vida, pediram-me autógrafos. E este pedido, vindo de crianças dos 6 aos 9 anos, teve um gostinho muito especial. É que eles são do mais inocente e sincero que há. Se pediram autógrafos, é porque realmente gostaram de mim, da apresentação e do tema da mesma. Venham mais escolas. Venham mais adeptos da bicicleta.

DADOS TÉCNICOS para cálculo de emissões de CO2
Salas, sacos e alforges: 6, com um total de 20kg
Inclinação: parte suave, parte serra.
Consumo de líquidos: 1 litro de água
Consumo de sólidos: 4 bolachas de cereais
Outros modos de transporte utilizados:
Duches: 1, de aprox.20 minutos, aquecida por painél solar térmico
Refeições: Almoço: Bitoque
                Jantar, Pizza

Peças de roupa lavada: 1 calções de ciclismo, 1 par de meias
Horas de utilização de computador: 3:00h
Visualizações do blogue: 500
Novos amigos no Facebook: 20
Carregamento de telemóvel e lanterna: Mala Solar com painéis fotovoltáicos

AGRADECIMENTOS ESPECIAIS:
MOTOVEDRAS, pelo excelente equipamento que me cedeu.
DIMODA, pelos fatos que me cedeu.
OFF7, pelo cálculo e compensação de emissões de CO2.
Bio Future House, pelas malas com painés foto-voltáicos que me carregam o telemóve e a lanterna.
Instituto Geográfico do Exército, pela oferta dos mapas de estradas que me orientam.

Professora Carla, que me cedeu guarida em sua casa, em Aljezur
Professora Dulce, que simpaticamente reservou e ofereceu-me o almoço na escola.

À Carolina, minha mãe, por todos os dias acender uma vela de azeite a Nossa Senhora de Fátima.

Paulo Guerra dos Santos
426 km percorridos de bici em Portugal, desde 22.05.2010

6 comentários:

  1. Paulo, vejo que está a correr bem. Parabéns. Junto às escolas também se pode optar por colocar lombas e outros mecanismos de redução de velocidade. Assim o ciclista pode ser integrado normalmente na estrada. É muito importante a tua sugestão dos parqueamentos de bicicleta no interior das escolas e se possível debaixo de um telheiro. E em formato de U invertido. As escolas têm espaços e não se justifica que a bicicleta fique meio abandonada no exterior. Uma curiosidade: o que falas nas apresentações nas escolas? do projecto, dos benefícios de andar de bicicleta?

    ResponderEliminar
  2. Olá!

    Assim que se lê o título do artigo publicado no suplemento DN Gente (29.05.2010) é quase impossível não assobiar 'Verão Azul' :)
    Escrevo para felicitar por esta iniciativa pedalada e pela opção quotidiana da bicicleta! As mudanças sociais são lentas mas vale a pena continuar a acreditar.
    Os exemplos (as sementes) animam e cedo ou tarde frutificam :)
    Vivo em Leiria e talvez possa assistir à passagem do Paulo por cá, mas até lá desejo ânimo e que tudo siga pelo melhor!

    Nídia

    ResponderEliminar
  3. O facto de passar pela minha santa terrinha [Santa Comba Dão] fez com que eu descobrisse esta iniciativa [através alerta google]. Na impossibilidade de fazer melhor dei uma pequena pedalada no sentido de ajudar, divulgando no meu Voz do Seven.
    Saudações
    Neves, AJ

    ResponderEliminar
  4. Olá Paulo!
    É com agrado que tenho acompanhado, quase diariamente, esta tua jornada.
    Revejo na tua aventura algo que gostaria de fazer um dia , aliás qualquer amante de bicicletas o gostaria de fazer.
    Pode ser que , lá mais para a frente ou mais próximo da nossa terrinha , dê para te acompanhar numa etapa.
    Desejo-te a melhor das sortes e uma boa viagem por este nosso País.
    Um abraço.
    Gabriel

    ResponderEliminar
  5. Crítical, Nídia e Neves, obrigado pelo vosso apoio.
    Paulo

    ResponderEliminar
  6. Gabi, um grande abraço. Passo por dornelas a 9 de Julho. Pode ser que estejas por lá.
    Paulo

    ResponderEliminar

Dia 1 - Moita Dia 2 - Setúbal Dia 3 - Alcácer do Sal Dia 4 - Grândola Dia 5 - Santiago do Cacém Dia 6 - Sines Dia 7 - Vila Nova de Mil Fontes Dia 8 - Zambujeira do Mar Dia 9 - Aljezur Dia 10 - Sagres Dia 11 - Lagos Dia 12 - Portimão Dia 13 - Silves Dia 14 - Albufeira Dia 15 - Loulé Dia 16 - Faro Dia 17 - Tavira Dia 18 - Vila Real de Santo António Dia 19 - Alcoutim Dia 20 - Mértola Dia 21 - Serpa Dia 22 - Beja Dia 23 - Moura Dia 24 - Portel Dia 25 - Évora Dia 26 - Arraiolos Dia 27 - Estremoz Dia 28 - Elvas Dia 29 - Campo Maior Dia 30 - Portalegre Dia 31 - Nisa Dia 32 - Vila Velha de Ródão Dia 33 - Castelo Branco Dia 34 - Idanha-a-Nova Dia 35 - Fundão Dia 36 - Covilhã Dia 37 - Belmonte Dia 38 - Guarda Dia 39 - Celorico da Beira Dia 40 - Aguiar da Beira Dia 41 - Moimenta da Beira Dia 42 - Lamego Dia 43 - Vila Real Dia 44 - Tabuaço Dia 45 - Carrazeda de Ansiães Dia 46 - Vila Nova de Foz Côa Dia 47 - Vila Flôr Dia 48 - Mirandela Dia 49 - Macedo de Cavaleiros Dia 50 - Santa Comba de Rossas Dia 51 - Bragança Dia 52 - Vinhais Dia 53 - Valpaços Dia 54 - Chaves Dia 55 - Vila Pouca de Aguiar Dia 56 - Cabeceiras de Basto Dia 57 - Vieira do Minho Dia 58 - Póvoa de Lanhoso Dia 59 - Guimarães Dia 60 - Braga Dia 61 - Ponte de Lima Dia 62 - Valença Dia 63 - Caminha Dia 64 - Viana do Castelo Dia 65 - Esposende Dia 66 - Póvoa de Varzim Dia 67 - Porto Dia 68 - Espinho Dia 69 - Ovar Dia 70 - Murtosa Dia 71 - Aveiro Dia 72 - Águeda Dia 73 - Sever do Vouga Dia 74 - Oliveira de Frades Dia 75 - São Pedro de Sul Dia 76 - Viseu Dia 77 - Tondela Dia 78 - Santa Comba Dão Dia 79 - Coimbra Dia 80 - Montemor-o-Velho Dia 81 - Figueira da Foz Dia 82 - Pombal Dia 83 - Leiria Dia 84 - Nazaré Dia 85 - Caldas da Raínha Dia 86 - Rio Maior Dia 87 - Alcobaça Dia 88 - Fátima Dia 89 - Tomar Dia 90 - Abrantes Dia 91 - Entroncamento Dia 92 - Alpiarça Dia 93 - Santarém Dia 94 - Coruche Dia 95 - Salvaterra de Magos Dia 96 - Alenquer Dia 97 - Torres Vedras Dia 98 - Mafra Dia 99 - Cascais Dia 100 - Lisboa Image Map Passe com o rato sobre as localidades e aguarde 1 segundo. ...........................................................