sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Dia 100 - Cascais a Lisboa

Descrição da etapa final a 22 de Setembro de 2010

09:15h - Arranque da C.M. de Cascais
10:45h - Chegada à Torre de Belém, em Lisboa
11:15h - Arranque da Torre de Belém
12:00h - Chegada à C.M. de Lisboa, na Praça do Município
13:00h - Almoço de confraternização
14:00h - Participação na sessão do Dia Europeu sem Carros, na C.M. de Lisboa
15:15h - Apresentação do projecto dos "100 dias" na C.M. de Lisboa

Total do dia: 38 km em 2:45h
Total do Projecto: 4.520 km de 22 de Maio a 22 de Setembro de 2010

RELATO PESSOAL

MISSÃO CUMPRIDA !!!
Entrada triunfal em Lisboa após 4 meses a pedalar em Portugal. Recepção honrosa por parte de familiares, amigos, conhecidos e adeptos das duas rodas a pedal, de Cascais à C.M. de Lisboa, na Praça do Município.

Deixo aqui os sinceros agradecimentos a todos os que acompanharam esta última etapa do projecto dos "100 dias", e que tornaram este dia memorável. Muitas das fotos seguintes foram tiradas por companheiros que participaram nesta 100ª etapa. E claro, MIL obrigados às centenas de pessoas com quem contactei ao longo destes 4 meses de pedaladas. Todos vós me fizeram crescer mais um pouco.

E por isso mesmo, e porque muitos foram os que pediram para não parar os relatos, fica aqui o compromisso de, pelo menos uma vez por semana, actualizar o blog com assuntos relacionados com Mobilidade, Qualidade de Vida, Paisagens de Portugal e claro ... BICICLETAS. Até porque as viagens de bicicleta em Portugal irão continuar nos próximos 6 meses, para recolher mais e melhor informação junto de algumas pessoas e instituições que conheci ao longo deste projecto.

Até um dia destes !!!
Paulo

- Os companheiros Vasco e Freitas que acompanharam a totalidade desta etapa, da C.M. de Cascais à C.M. de Lisboa

- No Estoril, mais dois companheiros juntaram-se a nós, o Carlos (que veio da Covilhã) e o Luís

- A percorrer a marginal, perto de Oeiras

- A meio da etapa, o registo de uma marca histórica: 4.500 km percorridos de bicicleta em Portugal Continental. Fica a esperança de poder, em breve, percorrer de bicicleta as Ilhas da Madeira e dos Açores

- Em Algés

- Chegada triunfal à Torre de Belém, onde muitas outras pessoas nos aguardavam nas suas bicicletas. Foi aqui que se iniciou este projecto, em 22 de Maio. 4 meses passaram desde então. E bem intensos.

- Na foto, a família Marvanejo veio de Campo Maior, onde montou em tempo recorde esta máquina. A contar da esquerda: João (filho), Joana, Paula e João (pai). Este último leva todos os dias os seus dois filhos à escola, numa bicicleta de 3 lugares, construída por si. Podem vê-los no relato do dia 29 no histórico deste blogue. Um exemplo de qualidade de vida e bem estar interior, que transmitem a quem os rodeia

- Batizada de "Super Poderosa 4", foram necessários 5 quadros de bicicleta, muitos cortes e horas de soldadura para a montar a tempo de participar na 100ª etapa deste projecto

- O arranque da Torre de Belém em direcção à Câmara Municipal de Lisboa, na praça do Município 

- Recentemente foram colocados balizadores neste troço da ciclovia do rio. Antes da sua existência, alguns automobilistas menos atentos estacionavam aqui os seus carros indevidamente, obrigando os ciclistas a desviarem para a via de circulação automóvel. Parabéns à C.M. de Lisboa pela sua implementação no terreno

- Junto ao final da ciclovia do rio, no Cais-do-Sodré

- Na Rua do Arsenal, a 200 metros da meta, a família Marvanejo a pedalar a bom ritmo

- O resto do pelotão a pedalar com atenção redobrada por causa dos carris do eléctrico. Com algum cuidado e atenção, ultrapassa-se este obstáculo sem incidentes
  video
- Chegada triunfal aos Paços do Concelho, em filme

- Com um ramo de flores oferecido por familiares, e com direito a aplausos por parte dos presentes

- A família Marvanejo e o Luís Almeida

- Com o Sr. Santos, pai do aventureiro. A mãe estava a tirar a foto :)

- Com o Luís Almeida. Este utilizador de bicicleta percorre todos os dias os 22 quilómetros que separam a sua casa em Caneças, do Marquês de Pombal onde trabalha. 44 quilómetros por dia, a subir e a descer serra. Este sim, é um verdadeiro exemplo de querer e fazer.

- Estes dois ciclistas são Canadianos. Chegaram a Portugal há uns dias e vão percorrer o sul do país durante cerca de um mês nas suas bicicletas. Ainda no Canadá, liam diariamente as crónicas deste blogue e viam as fotografias que retratam o país. Assim, planearam a sua viagem de bicicleta com maior detalhe, e sabem exactamente o que querem ver. Fizeram questão de participar nesta última etapa e apoiar-me até ao fim. Senti-me honrado com este seu testemunho. A bicicleta é um ponto de encontro entre culturas de diferentes países e pode ser um ponto de viragem no turismo em Portugal.

- Carolina (mãe) e José Manuel (pai) a serem entrevistados pelo José Candeias da Antena 1, que já há algum tempo vem a fazer um trabalho extraordinário no apoio à promoção da bicicleta como meio de transporte, em Portugal. Por isso mesmo, foi recentemente galardoado com o Prémio da Mobilidade atribuído anualmente pela F.P.C.U.B. As bicicletas estão definitivamente a ocupar o seu merecido espaço na sociedade portuguesa.

- Esta senhora, de 74 anos, fez questão de dar o seu apoio a este projecto. Deu um valente tombo à chegada à Câmara, mas sem hesitações levantou-se e voltou a montar na bici. A grande arte não está em saber cair, mas sim na forma como nos conseguimos levantar.

- Os "Camisola Amarela", estafetas em Lisboa que entregam as encomendas dos seus clientes .... de bicicleta, participaram nesta etapa. Na foto, em entrevista para o José Candeias.

- O almoço foi mesmo ali ao lado, na Rua dos Douradores. Sendo uma rua estreita, com muito estacionamento automóvel, sobrava pouco espaço para estacionar as bicis. Gentilmente, a empresa dos "Go Cars" cedeu-nos por uns minutos um canto da sua loja para deixarmos as bicis em segurança. Ficam aqui os agradecimentos

- Após o almoço, participação na sessão de apresentação do mapa online com a rede ciclável de Lisboa. Na foto, ao centro, o Sr. Vereador José Sá Fernandes, da Câmara Municipal de Lisboa

- Apresentação ao público presente do projecto dos "100 dias de Bicicleta em Portugal"

- Oferta de 10 bicicletas à Polícia Municipal, por parte da FPCUB. Na foto, a contar da esquerda, Sr. Vereador José Sá Fernandes, Sr. José Caetano da FPCUB, e o Sr. Subintendente da Polícia municipal de Lisboa, André Gomes (que me confessou ser Transmontano e ter adorado ver algumas fotos da sua região)

- Ao final da tarde, depois da despedida dos companheiros e apoiantes das pedaladas, vem a despedida dos pais, que voltariam ainda hoje para a aldeia de Dornelas de Aguiar, na Beira Alta. Obrigado por me terem apoiado incondicionalmente e, como pais, terem sofrido diariamente com receio dos perigos que se enfrentam em algumas estradas de Portugal. Tudo correu bem, sem um único acidente rodoviário ou problema mecânico na bicicleta. Bem hajam.

- No regresso a casa (a 1 km de Câmara), já com a Poderosa no estacionamento do prédio, toda a carga transportada nestes 4 meses de pedaladas: 4 alforges, uma mala solar e um saco-cama, num total de 25 kg de roupa desportiva, casual e fatos, calçado, ferramentas e supelentes, impermeáveis, saco de primeiros socorros, computador, mapas, águas, colete reflector, necessaire, pequenos objectos de utilidade pontual e claro, ofertas que se foram acumulando pelo caminho como livros, medalhas, galhardetes, camisolas e até caixas de vinho tinto (que foram ficando pelo caminho :))

- Para a posteridade, fica o registo: 4.520 quilómetros percorridos em 4 meses. O que não se vê é todo o gozo e trabalho de preparar e realizar um projecto como este, todas as pessoas com quem partilhei momentos únicos, todas as paisagens naturais que vi e vivi, todas as dificuldades ultrapassadas, toda a informação técnica que acumulei nas conversas com autarcas e técnicos superiores das Câmaras Municipais por esse país fora, onde fui recebido. Fica a promessa de um relato em papel, com os principais acontecimentos, peripécias, conclusões e sugestões, a lançar na próxima primavera. As vossas sugestões e ideias são bem vindas. Fica lançado o desafio.

Um grande abraço a todos !!!!

Paulo Guerra dos Santos e Poderosa 

DADOS TÉCNICOS para cálculo de emissões de CO2
Malas, sacos e alforges: 6, com um total de 25kg
Outros modos de transporte utilizados: nenhum
Horas de utilização de computador: 3:00h
Total de visualizações do blogue: 48.950
Amigos no Facebook: 1.632
Carregamento de telemóvel e lanterna: Mala Solar com painéis fotovoltáicos

AGRADECIMENTOS ESPECIAIS:
MOTOVEDRAS, pelo excelente equipamento que me cedeu.
DIMODA, pelos fatos da Pierre Cardin que me cedeu, para usar nas cidades.
JP SÁ COUTO, pelo excelente PC Magalhães 2 que ofereceu para esta viagem
OFF7, pelo cálculo e compensação de emissões de CO2.
Bio Future House, pelas malas com painés foto-voltáicos que me carregam o telemóve e a lanterna.
Instituto Geográfico do Exército, pela oferta dos mapas de estradas que me orientam.
Ao José Candeias, da Antena 1, pelo apoio a este projecto

A todos os que acompanharam esta última etapa do projecto, fazendo sentir que valeu mesmo a pena
À C.M. de Lisboa pelo convite endereçado para participar no dia Europeu sem Carros.
A todos os que, desde sempre, apoiaram este projecto, aqui e no Facebook

À Carolina, minha mãe, por todos os dias acender uma vela de azeite a Nossa Senhora de Fátima.
Ao meu pai.

Paulo Guerra dos Santos

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Dia Extra - Cascais e Seixal

Programa para a 100ª etapa: Cascais -» Lisboa
22 de Setembro de 2010

09:00h - Arranque da C.M. de Cascais
10:45h - Chegada à Torre de Belém, em Lisboa
11:15h - Arranque da Torre de Belém
12:00h - Chegada à C.M. de Lisboa, na Praça do Município

A todos os que queiram participar nesta etapa e acompanhar o final deste projecto na sua bicicleta, poderão fazê-lo desde Cascais (30 km no total), ou esperarem na Torre de Belém e percorrerem os últimos 8 kms pela ciclovia do rio, até à Praça do Município

Das 12:00h às 14:00h - Momento de confraternização, algures na Baixa

--------------------------------------------------------------

DESCRIÇÃO 21.09.2010
12:00h - Reunião na Câmara Municipal de Cascais
18:30h - Apresentação do Projecto no Seixal
23:30h - Passeio pelo Túnel do Marquês

Total do dia: 24 km em 1:45h
Total do Projecto: 4.482 km desde 22.05.2010

RELATO PESSOAL
Um dia de suposto descanso a revelar-se cheio de actividades, na Área Metropolitana de Lisboa
 
As BICAS, bicicletas de Cascais de utilização gratuita, junto ao paredão

- Reunião na Câmara Municipal de Cascais, com Vitor Silva e Paula Gonçalves, do "Trânsito". Uma conversa que revelou também um grande viajante por este país, nos seus tempos de juventude e estudante universitário. Vitor Silva partilhou também estórias de vida com os habitantes das diversas regiões de Portugal.

- A foto de família junto à Poderosa. Em Cascais, vai ser inaugurado mais um troço de pista ciclável junto ao paredão, dentro daquilo quepara já é possivel na partilha do espaço público entre peões e ciclistas

- Um convite por parte da Agência Municipal de Energia do Seixal, levou-me a uma viagem até à estação de comboios de Corroios. Com a Poderosa sempre a meu lado, utilizei o comboio da CP da linha de Cascais até ao Cais-do-Sodré. Na foto, bicicletas estacionadas em estrutura adequada na estação de Cascais. A melhorar: a localização deveria ser em local de maior visibilidade de quem utiliza os comboios da CP. Desta forma, promovia-se junto da população em geral a utilização da bicicleta como meio de transporte, e garantia-se uma maior segurança contra o roubo ou vandalismo

- Do Cais-do-Sodré a Entrecampos, o percurso faz-se a pedalar. Este é um caminho já conhecido, e estes 6 quilómetros parecem "canja" ao lado dos quase 4500 km já percorridos no projecto dos "100 dias". Na foto, um estacionamento para motos completamente ocupado, na Av. da Liberdade. Parabéns aos seus utilizadores por se fazerem deslocar de moto e parabéns à Câmara pelo trabalho desenvolvido no último ano em dotar a cidade de lugares de estacionamento para este tipo de veículos. A melhorar: o alargamento da zona de estacionamento por forma a serem criados mais lugares.

- Bilheira da estação de comboios de Entrecampos. Obrigado à Fertagus pela oferta do livre trânsito para circular nos seus comboios, neste dia.

- No interior do comboio da ponte, uma criança a delirar com todos os "gadgets" com que a Poderosa vai apetrechada.

- Na estação de Corroios, onde foi feita a apresentação

- Na mesa, com o Sr. Vereador da C.M. do Seixal, Joaquim Santos e a Directora Comercial da Fertagus Clara Esquível

- A audiência era formada por passageiros da Fertagus, curiosos com a Poderosa

- No regresso a Entrecampos, a Poderosa teve companhia no local para transporte das bicicletas dentro dos comboios da Fertagus. Uma excelente localização, junto da porta de saída. A melhorar: o horário de permissão do transporte de bicicleta poderia ser alargado a todo o período de funcionamento da rede, e em qualquer sentido, com a respectiva limitação de 2 bicicletas por carruagem

- Lisboa vestiu a camisola da mobilidade nesta semana. A melhorar: o alargamento deste tipo de iniciativas a outros períodos do ano.

- Num iniciativa inédita, o Túnel Rodoviário do Marquês de Pombal foi cortado ao trânsito automóvel entre as 23:30h às 05:00h, e aberto a todos os veículos não emissores de CO2: bicicletas, trotinetas, "skates", patins e outros que não me recordo. Andar a pé também era permitido.

- O túnel, já fechado ao trânsito, momentos antes de ser permitida a sua travessia de bicicleta

- Dezenas de pessoas aguardavam ordeiramente e com alguma expectativa a abertura do túnel para passeio

- E lá fomos nós ....

- ... pelo túnel abaixo ...

- ... e acima 
 
DADOS TÉCNICOS para cálculo de emissões de CO2
Malas, sacos e alforges: 3, com um total de 15kg
Outros modos de transporte utilizados: Comboio, 30 + 15 km
Horas de utilização de computador: 3:00h
Total de visualizações do blogue: 47.940
Amigos no Facebook: 1.625
Carregamento de telemóvel e lanterna: Mala Solar com painéis fotovoltáicos

AGRADECIMENTOS ESPECIAIS:
MOTOVEDRAS, pelo excelente equipamento que me cedeu.
DIMODA, pelos fatos da Pierre Cardin que me cedeu, para usar nas cidades.
JP SA COUTO, pelo excelente PC Magalhães 2 que ofereceu para esta viagem
OFF7, pelo cálculo e compensação de emissões de CO2.
Bio Future House, pelas malas com painés foto-voltáicos que me carregam o telemóve e a lanterna.
Instituto Geográfico do Exército, pela oferta dos mapas de estradas que me orientam.
Ao José Candeias, da Antena 1, pelo apoio a este projecto

À C.M. de Cascais, pela recepção à última da hora
À Agência Municipal de Energia do Seixal, pelo convite à participação na Semana da Mobilidade
À Fertagus, pela oferta do bilhete de comboio

À Carolina, minha mãe, por todos os dias acender uma vela de azeite a Nossa Senhora de Fátima.

Paulo Guerra dos Santos

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

Dia 99 - Da Ericeira a Cascais

Faltam 2 DIAS para o final do projecto !

Programa para a 100ª etapa: Cascais -» Lisboa
22 de Setembro de 2010

09:00h - Arranque da C.M. de Cascais
10:45h - Chegada à Torre de Belém, em Lisboa
11:15h - Arranque da Torre de Belém
12:00h - Chegada à C.M. de Lisboa, na Praça do Município

A todos os que queiram participar nesta etapa e acompanhar o final deste projecto na sua bicicleta, poderão fazê-lo desde Cascais (30 km no total), ou esperarem na Torre de Belém e percorrerem os últimos 8 kms pela ciclovia do rio, até à Praça do Município

Das 12:00h às 14:00h - Momento de confraternização, algures na Baixa

--------------------------------------------------------------

DESCRIÇÃO 19.09.2010
10:30h - Arranque da Ericeira
15:30h - Chegada a Cascais

Total do dia: 68 km em 4:25h
Total do Projecto: 4.458 km desde 22.05.2010

RELATO PESSOAL
Um dia de pedaladas pela zona saloia do Oeste a revelar que ainda há tradições que se mantém

- Os meus anfitriões, Vasco e Luísa, à saída da Ericeira

- Uma perspectiva da Ericeira

- Foz do Lizandro

- Venda ambulante de estrada

- O convento de Mafra domina a paisagem durante muitos quilómetros

- Paragem para abastecimento num jardim de São João das Lampas

- O Palácio da Pena, ao longe

- Outros dois viajantes estrangeiros de bicicleta pelo país, que sabem dar valor ao que há por cá e usufruem ao máximo.

- Painel de boas vindas aos viajantes, com um mapa das vias e localidades mais relevantes.

- Azenhas do Mar, com a piscina oceânica em baixo

- Mais venda ambulante de estrada

- Uma estrada na Serra de Sintra

- E mais uma venda ambulante de estrada, a fazer recordar os velhos tempos. Foi interessante verificar que muitos automobilistas paravam para comprar fruta, vegetais, doçaria e produtos regionais. Uma excelente forma de pequenos produtores escoarem os seus produtos e de manter vivas as tradições. Nem só de hipermercados vive um homem.

- Onde a terra acaba e o mar começa ...

- Cabo da Roca

- Serra de Sintra vista do Cabo da Roca

- A Poderosa a apreciar o oceano

- A mudar, pela última vez espero, uma câmara de ar furada.

- A ciclovia de lazer do Guincho até Cascais, segregada do trânsito automóvel. Passando por um percurso lindíssimo, não se compreende porque foi construída do lado interior, em vez do lado do mar, que é o maior ponto de atração desta zona

- Guincho

- A Poderosa e o Cabo da Roca ao fundo

- Crescidos e graúdos utilizam com grande satisfação esta ciclovia de lazer

- A ciclovia, próximo de Cascais. Tinha sido alertado para o facto de alguns automobilistas estacionarem em cima da ciclovia. Não observei um único automóvel em estacionamento abusivo. Observei sim, na parte final da ciclovia, alguns peões a utilizarem-na indevidamente. Contudo, nessa zona, percebe-se que não há alternativa viável para que os peões circulem em conforto e segurança fora de estrada. Em alguns troços, de resto, a ciclovia é partilhada com os peões. E é assim que se vive o espaço público, a partilhá-lo, sejamos nós num determinado momento peões, ciclistas ou automobilistas.

- 99ª etapa cumprida, com a chegada à Câmara Municipal de Cascais

DADOS TÉCNICOS para cálculo de emissões de CO2
Malas, sacos e alforges: 6, com um total de 25kg
Outros modos de transporte utilizados: Comboio, 30 km
Horas de utilização de computador: 3:00h
Total de visualizações do blogue: 47.300
Amigos no Facebook: 1.622
Carregamento de telemóvel e lanterna: Mala Solar com painéis fotovoltáicos

AGRADECIMENTOS ESPECIAIS:
MOTOVEDRAS, pelo excelente equipamento que me cedeu.
DIMODA, pelos fatos da Pierre Cardin que me cedeu, para usar nas cidades.
JP SA COUTO, pelo excelente PC Magalhães 2 que ofereceu para esta viagem
OFF7, pelo cálculo e compensação de emissões de CO2.
Bio Future House, pelas malas com painés foto-voltáicos que me carregam o telemóve e a lanterna.
Instituto Geográfico do Exército, pela oferta dos mapas de estradas que me orientam.
Ao José Candeias, da Antena 1, pelo apoio a este projecto

Ao Vasco, por me acompanhar no arranque desta etapa

À Carolina, minha mãe, por todos os dias acender uma vela de azeite a Nossa Senhora de Fátima.

Paulo Guerra dos Santos
Dia 1 - Moita Dia 2 - Setúbal Dia 3 - Alcácer do Sal Dia 4 - Grândola Dia 5 - Santiago do Cacém Dia 6 - Sines Dia 7 - Vila Nova de Mil Fontes Dia 8 - Zambujeira do Mar Dia 9 - Aljezur Dia 10 - Sagres Dia 11 - Lagos Dia 12 - Portimão Dia 13 - Silves Dia 14 - Albufeira Dia 15 - Loulé Dia 16 - Faro Dia 17 - Tavira Dia 18 - Vila Real de Santo António Dia 19 - Alcoutim Dia 20 - Mértola Dia 21 - Serpa Dia 22 - Beja Dia 23 - Moura Dia 24 - Portel Dia 25 - Évora Dia 26 - Arraiolos Dia 27 - Estremoz Dia 28 - Elvas Dia 29 - Campo Maior Dia 30 - Portalegre Dia 31 - Nisa Dia 32 - Vila Velha de Ródão Dia 33 - Castelo Branco Dia 34 - Idanha-a-Nova Dia 35 - Fundão Dia 36 - Covilhã Dia 37 - Belmonte Dia 38 - Guarda Dia 39 - Celorico da Beira Dia 40 - Aguiar da Beira Dia 41 - Moimenta da Beira Dia 42 - Lamego Dia 43 - Vila Real Dia 44 - Tabuaço Dia 45 - Carrazeda de Ansiães Dia 46 - Vila Nova de Foz Côa Dia 47 - Vila Flôr Dia 48 - Mirandela Dia 49 - Macedo de Cavaleiros Dia 50 - Santa Comba de Rossas Dia 51 - Bragança Dia 52 - Vinhais Dia 53 - Valpaços Dia 54 - Chaves Dia 55 - Vila Pouca de Aguiar Dia 56 - Cabeceiras de Basto Dia 57 - Vieira do Minho Dia 58 - Póvoa de Lanhoso Dia 59 - Guimarães Dia 60 - Braga Dia 61 - Ponte de Lima Dia 62 - Valença Dia 63 - Caminha Dia 64 - Viana do Castelo Dia 65 - Esposende Dia 66 - Póvoa de Varzim Dia 67 - Porto Dia 68 - Espinho Dia 69 - Ovar Dia 70 - Murtosa Dia 71 - Aveiro Dia 72 - Águeda Dia 73 - Sever do Vouga Dia 74 - Oliveira de Frades Dia 75 - São Pedro de Sul Dia 76 - Viseu Dia 77 - Tondela Dia 78 - Santa Comba Dão Dia 79 - Coimbra Dia 80 - Montemor-o-Velho Dia 81 - Figueira da Foz Dia 82 - Pombal Dia 83 - Leiria Dia 84 - Nazaré Dia 85 - Caldas da Raínha Dia 86 - Rio Maior Dia 87 - Alcobaça Dia 88 - Fátima Dia 89 - Tomar Dia 90 - Abrantes Dia 91 - Entroncamento Dia 92 - Alpiarça Dia 93 - Santarém Dia 94 - Coruche Dia 95 - Salvaterra de Magos Dia 96 - Alenquer Dia 97 - Torres Vedras Dia 98 - Mafra Dia 99 - Cascais Dia 100 - Lisboa Image Map Passe com o rato sobre as localidades e aguarde 1 segundo. ...........................................................